quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Dois textos pequenos que me fizeram refletir sobre qualidade de vida. Os textos são de Jorge Luis Borges e Bryan Dyson.

O objetivo desse post é compartilhar dois textos bem interessante, que certamente o levará a refletir sobre sua qualidade de vida. Os textos são de Jorge Luis Borges e Bryan Dyson.

Tentei encontrar alguma matéria que provasse a veracidade da autoria, mas não encontrei. Estão relacionados com a tentativa de encontrar o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional. Veja o que Bryan Dyson, ex-presidente mundial da Coca Cola, disse ao deixar o cargo:
"Imagine a vida como um jogo em que você esteja fazendo malabarismos com cinco bolas no ar. Estas são: seu Trabalho - sua Família - sua Saúde - seus Amigos e sua Vida Espiritual, e você terá de mantê-las todas no ar.
Logo você vai perceber que o Trabalho é como uma bola de borracha. Se soltá-la, ela rebate e volta. Mas as outras quatro bolas: Família, Saúde, Amigos e Espírito, são frágeis como vidros. Se você soltar qualquer uma destas, ela ficará irremediavelmente lascada, marcada, com arranhões, ou mesmo quebradas, vale dizer, nunca mais será a mesma.
Deve entender isto: tem que apreciar e esforçar para conseguir cuidar do mais valioso. Trabalhe eficientemente no horário regular do escritório. Gaste o tempo requerido à tua família e aos seus amigos. Faça exercício, coma e descanse adequadamente. E sobretudo... cresça na sua vida interior, no espiritual, que é o mais transcendental, porque é eterno.
Shakespeare dizia: "Sempre me sinto feliz, sabes por quê? Porque não espero nada de ninguém. Esperar sempre dói. Os problemas não são eternos, sempre têm solução. O único que não se resolve é a morte. A vida é curta, por isso, ame-a! Viva intensamente e recorde: Antes de falar... Escute!  Antes de escrever... Pense!  Antes de criticar... Examine! Antes de ferir... Sinta! Antes de orar... Perdoe! Antes de gastar... Ganhe! Antes de render... Tente de novo! ANTES DE MORRER... VIVA!”

O texto a seguir é do argentino Jorge Luis Borges foi escritor, poeta, tradutor, crítico literário e ensaísta. Nesse, é possível fazer algumas reflexões sobre maior e melhor aproveitamento da vida.

"Se eu puder viver novamente a minha vida, na próxima trataria de cometer mais erros. Não tentaria ser perfeito. Relaxaria mais. Seria mais tolo ainda do que tenho sido. Na verdade, bem poucas coisas levaria a sério. Seria até menos higiênico. Correria mais riscos, viajaria mais, contemplaria mais entardeceres, subiria mais montanhas, nadaria mais rios. Iria para lugares onde nunca fui, tomaria mais sorvete e menos sopa. Teria mais problemas reais e menos problemas imaginários.
Eu fui uma desta pessoas que viveu sensata e produtivamente cada minuto de sua vida. Eu era uma destas pessoas que nunca ia a parte alguma sem um termômetro, uma bolsa de água quente, um guarda-chuva e um pára-quedas. Se voltasse a viver, viajaria mais leve. Se eu pudesse voltar a viver, começaria a andar descalço no começo da primavera e continuaria assim até o fim do outono. Daria mais voltas na minha rua, contemplaria mais amanheceres e brincaria com mais crianças, se tivesse outra vez uma vida pela frente. Mas, já viram, tenho 85 anos e sei que estou morrendo...”
(Jorge Luis Borges)




terça-feira, 1 de novembro de 2016

X++ hello world!

Crie um job e escreva o código abaixo:

static void HelloWorldPrint(Args _args)
{
    // Hello World. Imprime texto na tela, mostrando o dia de hoje.
    Date data;
    str texto;
    ;
    data = today();
    texto = strfmt("Hello world! Hoje é %1", data);
    print texto;
    pause;
}


Crie um job e escreva o código abaixo:

static void HelloWorldConsultaClientes(Args _args)
{
    // Hello World. Lista o primeiro cliente do banco de dados.

    CustTable custTable;
    ;
    while select firstOnly AccountNum,Name,Address from custTable
    {
        info(strfmt("Código %1 | Nome %2 | Endereço %3",
            custTable.AccountNum,
            custTable.Name,
            custTable.Address));
    }
}


Crie um job e escreva o código abaixo:

static void HelloWorldBoxes(Args _args)
{
    Dialogbutton db;
    ;
    db = box::yesNoCancel("Escolha Yes, No or Cancel.", dialogButton::Yes, "Example");
    if (db == dialogButton::Yes)
    {
        // Mostrando uma MessageBox.
        box::info("We chose Yes");
    }
    else if (db == dialogButton::No)
    {
        // Mostrando uma janela com Log de Informações.
        error( "We chose No (error icon)");
        warning( "We chose No (warning icon)");
        info( "We chose No (info icon)");
    }
    else if (db == dialogButton::Cancel)
    {
        // O código abaixo irá parar a execução.
        throw error("Levantando uma exception.");
    }
}

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Qual repositório privado online você vai usar: BitBucket ou VisualStudio.com?

Você vai desenvolvendo suas aplicações sem controle de versão e ainda faz backup de tudo em alguma unidade externa de armazenamento. E se você precisar utilizar mais de um computador para trabalhar nos seus projetos? E se acontecer algo com seu computador e ao mesmo tempo acontecer algo com seu backup? E se você estiver precisando de uma versão antiga do arquivo que está trabalhando? Uma solução simples para isso seria armazenar seus projetos em algum repositório online de arquivos sem que outras pessoas possam baixar o seu código-fonte. Imediatamente, a gente pensa no GitHubCodePlex ou Source Forge, que permitem armazenar projetos na nuvem, porém com visibilidade pública dos fontes. O GitHub tem o recurso de visibilidade privada (onde você decide quem pode baixar) mas requer que você pague por isso. Para alguns, esse investimento financeiro pode ser inviável. Diante deste cenário, existem duas soluções muito boas e gratuitas que permitem armazenar seus projetos com visibilidade privada. São elas: BitBucket.org e VisualStudio.com. Já usei as duas ferramentas e posso afirmar que ambas funcionam muito bem. Elas ainda possibilitam utilizar outras formas de versionamento: o BitBucket permite utilizar Git ou Mercurial, enquanto que o VisualStudio.com permite utilizar Git ou TFS (Team Foundation Server). Esses dois serviços possuem planos gratuitos para projetos privados. Você só começaria a pagar pelos serviços caso o número de usuários fosse superior a cinco. Confesso que gosto muito das soluções da Microsoft, porém a de convir que o TFS vem ganhando espaço nas empresas, como ferramenta de controle de versão. O mais interessante é que muitas pessoas podem pensar de imediato que o TFS só poderia ser utilizado pelas próprias ferramentas da Microsoft, porém é um engano. É possível utilizar o TFS pelo Eclipse, por exemplo. Fique esperto: armazene seus projetos na nuvem e aproveite gratuitamente esses excelentes serviços. Vale a pena.

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

O que a qualidade da água tem a ver com nossa saúde? Por que o refrigerante é tão prejudicial ao nosso organismo?

Vi este vídeo e não sei se fiquei mais preocupado com o refrigerante que bebemos ou com o purificador de água instalado em nossas casas. Acho válido reservar alguns minutos para assistir ao vídeo abaixo.

No vídeo quem está falando é um cardiologista e nutrólogo que ensinou medicina em 22 países e hoje coleciona mais de 100 trabalhos científicos publicados. Acredito que tudo que ele fala faz muito sentido. A parte mais chocante é a análise do pH da água. Vejam!


Abaixo está o vídeo resumido, suficiente para ver o que falei neste postagem


segunda-feira, 26 de setembro de 2016

GEMSPE DAY 2016 Recife - Evento Microsoft


Grupo de Estudos Microsoft de Pernambuco 2016 está promovendo no dia 22 Outubro 2016 o GEMSPE DAY 2016.

Palestras:

  • OVERVIEW DO AZURE SECURITY CENTER (ALBERTO OLIVEIRA, MVP MICROSOFT)
  • QUALIDADE DE CÓDIGO COM SONAR (CARLOS DOS SANTOS, MVP MICROSOFT)

Workshops:

  • COMO TRABALHAR EM PROJETOS OPENSOURCE COM GITHUB (CARLOS DOS SANTOS, MVP MICROSOFT)
  • AZURE SQL DATABASE - TRABALHANDO COM SEU BANCO DE DADOS NA NUVEM (VITOR FAVA, ESPECIALISTA SQL SERVER)
  • COMO REALIZAR TROUBLESHOOTING EM AMBIENTES CORPORATIVOS (ALBERTO OLIVEIRA, MVP MICROSOFT)
  • ASP.NET MVC CORE - ENTENDA COMO FUNCIONA E O QUE ESPERAR DESSA NOVA VERSÃO (KLAYTON GOMES, ESPECIALISTA DEV WEB)
  • CLOUD COMPUTING FUNDAMENTALS (DIOGO BACELAR, MTAC MICROSOFT)
  • NUVEM! E AGORA? PLANEJANDO DE FORMA CORRETA CARREIRA E PROJETOS (VINICIUS PERROTT, MTAC MICROSOFT)

Inscrições e mais informações
https://www.eventbrite.com.br/e/gemspe-day2016-tickets-27669712856

Google já disponibilizou para download no Brasil o "Allo", concorrente do WhatsApp

O Google liberou o download e a utilização do seu novo mensageiro, o Allo, no Brasil. A ferramenta já tinha sido lançada em determinadas localidades do globo, mas, por aqui, apenas algumas pessoas tinham conseguido fazer o download depois de terem pedido para a Play Store avisá-los sobre a liberação.

Nesse momento, qualquer usuário de smartphones Android ou iOS pode fazer o download e se cadastrar na nova plataforma de mensagens da empresa.

O que tem de bom?

O mensageiro é a nova aposta da Google nesse segmento, no qual a empresa nunca conseguiu grande tração com outras ferramentas. Por isso, o Allo conta com uma série de recursos diferentes para chamar a atenção.
Por exemplo, é possível tirar uma foto e desenhar sobre ela com o dedo bem ao estilo Snapchat, mandar uma diversidade de emojis e adesivos e também enviar textos e figuras bem grandes ou bem pequenas. Há ainda uma loja de adesivos para conseguir itens extras, bem ao estilo Viber e Telegram.





Contudo, o maior destaque certamente é o Google Assistente que está presente no mensageiro. Ele consegue interagir com as conversas dos usuários naturalmente e melhorar a forma como as pessoas se comunicam. É possível também fazer perguntas diretas para o assistente e receber respostas objetivas, com cartões e links sobre os assuntos que você pediu.



O grande problema é que, por enquanto, o Assistente não funciona em português. Mesmo assim, a Google deixou a ferramenta desbloqueada para quem quiser fazer testes conversando em inglês.

segunda-feira, 16 de maio de 2016

Faça uma viagem tranquila com essas dicas

Você juntou dinheiro, todo mundo da família tirou férias no mesmo dia e finalmente vão fazer a esperada viagem de carro com a galera toda. Que alegria! Viajar de carro é muito comum no Brasil, porém para que tudo ocorra bem e a viagem seja tranquila, é necessário tomar alguns cuidados. Separamos algumas dicas para ser só alegria, confira:

1. Calcule com antecedência
Faça as contas do que irá gastar na viagem: veja quanto dará de gasolina e de pedágio. Para viajar de carro, é necessário que você faça um planejamento. Em alguns site, como esse daqui, você consegue calcular esses gastos da viagem apenas colocando o destino e o ponto de partida.

2. Faça uma revisão no veículo
Você precisa fazer uma revisão no carro com antecedência. Já pensou estar na estrada e o motor resolver esquentar demais? Não é nada bacana.
Portanto, leve o veículo no mecânico com pelo menos duas semanas de antecedência em relação ao dia da viagem. Assim, caso haja algum reparo a ser feito, haverá tempo para isso.
No dia de viajar, não esqueça de fazer um check list com itens que devem ser verificados pela última vez, como os pneus, níveis de água e óleo, combustível e lanternas.

3. Não conhece o trajeto? Então pesquise antes
Sabemos que o GPS foi uma inovação incrível que possibilitou mais conforto e tranquilidade na hora de dirigir. Porém, não esqueça que a maioria desses itens necessitam bateria e, o pior, sinal. Muitas vezes, no meio da estrada, o sinal do celular e do GPS podem cair. E aí você fica perdido.
Por isso, é sempre bom pesquisar o trajeto antes e imprimi-lo. Leve com você pois pode ser bastante útil.

4. Confira a previsão do tempo
Chegando perto da data de pegar a estrada, dê uma olhada na previsão do tempo dos locais por onde você irá passar. Assim, você pode se programar e evitar de passar por uma tempestade fortíssima ou por aquele sol de 40ºC.

5. Se preocupe com hospedagem no caminho
Nunca sabemos o que pode acontecer. Vai que você fica muito cansado ou que algo inesperado aconteça. É sempre bom ver os hotéis, motéis ou locais que existem para se hospedar no meio do caminho. Nunca sabemos o que pode acontecer, certo?

6. Veja qual é a quilometragem do seu guincho
Como já falamos: nunca se sabe o que pode acontecer no meio do caminho. Pode ser que aconteça alguma pane no seu carro e você precise do serviço de guincho. Por isso, é importante você verificar na apólice do seu seguro qual é a distância máxima que ele poderá percorrer.
Se não tem um seguro auto, é bom você fazer uma simulação e pensar em contratar um. Ele pode ser muito útil no meio da viagem!

Essas dicas vão te ajudar a planejar melhor a sua viagem. Agora é cair na estrada e chegar no destino com segurança.

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Wpf.BusyIndicatorEasy - Sample



Source-code https://github.com/leonardomelosantos/Wpf.BusyIndicatorEasy
Nuget package https://www.nuget.org/packages/Wpf.BusyIndicatorEasy/


XAML code

<Window x:Class="MyApplication.MainWindow"
        xmlns="http://schemas.microsoft.com/winfx/2006/xaml/presentation"
        xmlns:x="http://schemas.microsoft.com/winfx/2006/xaml"
        xmlns:busyIndicatorEasy="clr-namespace:Wpf.BusyIndicatorEasy;assembly=Wpf.BusyIndicatorEasy"
        Title="MainWindow" Height="424.403" Width="710.97">
    
    <busyIndicatorEasy:BusyIndicator x:Name="MyBusyIndicator" 
        BusyContent="Loading" MinValue="0" MaxValue="100" 
        MouseDoubleClick="MyBusyIndicator_OnMouseDoubleClick">
    <StackPanel HorizontalAlignment="Center" Height="Auto" 
        VerticalAlignment="Top" Width="Auto" Orientation="Vertical">
        <TabControl Height="378" Margin="0,10,0,0" Width="682">
            <TabItem Header="My screen">
                <StackPanel Orientation="Vertical">
                    <Canvas Height="160"></Canvas>
                    <TabControl Height="167" Margin="10,10,10,0"
                    Width="Auto">
                        <TabItem Header="TabItem">
                            <Canvas>
                                <Button Content="Indeterminate"
                                    Canvas.Left="534"
                                    Canvas.Top="94" Width="100" 
                                    Click="Button_Click_1"/>
                                <Button Content="Progress"
                                    Canvas.Left="534" 
                                    Canvas.Top="67" Width="100" 
                                    Click="Button_Click"/>
                                </Canvas>
                        </TabItem>
                        <TabItem Header="TabItem">
                            <Canvas></Canvas>
                        </TabItem>
                    </TabControl>
                </StackPanel>
            </TabItem>
        </TabControl>
    </StackPanel>
    </busyIndicatorEasy:BusyIndicator>
</Window>


Backend code (C#)

private void Button_Click(object sender, RoutedEventArgs e)
{
    // With progress
    MyBusyIndicator.BusyContent="My text progress... (double click to close me)";
    MyBusyIndicator.IsIndeterminate = false;
    MyBusyIndicator.CurrentProgressValue = (DateTime.Now.Second/60.00)*100;
    MyBusyIndicator.IsBusy = true;
}

private void Button_Click_1(object sender, RoutedEventArgs e)
{
    // Indeterminate
    MyBusyIndicator.BusyContent="Indeterminate... (double click to close me)";
    MyBusyIndicator.IsIndeterminate = true;
    MyBusyIndicator.IsBusy = true;
}

private void MyBusyIndicator_OnMouseDoubleClick(object sender, MouseButtonEventArgs e)
{
    // How to hide BusyIndicator
    MyBusyIndicator.IsBusy = false;
}





quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Como criar uma loja virtual gastando pouco (ou nada) com o desenvolvimento do site

Tem um cliente que pediu ou você mesmo quer desenvolver uma loja virtual? Não reinvente a roda! Foque no negócio e procure soluções prontas. Muitas delas permitem inclusive acoplamento de templates que podem atender suas expectativas. Sem falar nos amadurecidos módulos que se responsabilizam pelo pagamento dos pedidos. Abaixo listo soluções gratuitas e pagas (prestação de serviços).

Serviços de loja virtual
Softwares gratuitos (open-source)
  • Magento eCommercehttp://www.magentocommerce.com/
    "Plataforma de comércio eletrônico em código livre que integra diversas funcionalidades, assegurada por um vasto suporte da grande comunidade, otimiza o posicionamento e a visibilidade da sua loja através de uma estratégia integrada de web marketing que lhe abre as portas a novas oportunidades de negócio e impulsiona os índices de fidelização dos seus clientes."
  • PrestaShophttp://www.prestashop.com/
    Com mais de 275 funcionalidades desenvolvidas para ajudar donos de negócios gerenciar suas lojas com pouco esfoço e bastante praticidade. Desde número de produtos por página até controle de estoque e de catálogo. Em 2010, foi considerado o melhor Open-Sorce para e-Commerce .
  • Open Cart Brasilhttp://www.opencartbrasil.com.br/

Abaixo seguem alguns links que apontam para postagens que fazem comparativo entre essas duas soluções:

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

12 ideias para aumentar as chances de seu filho ter um futuro acima da média


  1. Crie o hábito de questionar as convicções dele. Pergunte o porquê das coisas e o estimule a questionar da mesma forma.
  2. Evite supervalorizar os erros. Caiu? Não faça estardalhaço. Encoraje-o a se levantar sozinho e continuar adiante. Não alimente o medo. Encoraje mais.
  3. Falar inglês é fundamental. Eles aprendem bem rápido e não sofrerão no futuro. Quem fala inglês tem acesso a maiores oportunidades.
  4. Pratique falar em público dentro de casa. Crie situações onde ele tenha que fazer alguma apresentação na presença de toda a família para conquistar o que deseja. Quer um videogame? Marque um dia para ele fazer uma apresentação dando os argumentos, mostrando porque merece esse presente. Se não for convincente, dê mais uma chance até conseguir.
  5. Compaixão e empatia. Ter contato com a pobreza e criar o desejo de ajudar ao próximo. Ensinar o prazer de doar e dividir, além de evitar o consumismo. Ensine a simplicidade, a começar pelo seu exemplo.
  6. Ensine o valor do dinheiro. Prêmios e multas podem ajudar no reconhecimento da gestão que ele faz de sua mesada.
  7. Esporte ajuda a desenvolver o trabalho em equipe, disciplina, além de ser saudável.
  8. Converse sobre o mercado, sobre as empresas, sobre bolsa de valores, sucesso, fracasso e crie referenciais a serem seguidos. Fale sobre biografias de pessoas de sucesso desde cedo.
  9. Trabalhe por merecimento. Ensine desde pequeno que nada se ganha, tudo se conquista.
  10. Fique de olho nas besteiras que são faladas na escola. Infelizmente, a cada dia, a escola tem se tornado um lugar menos confiável.
  11. Falando em escola, se tentarem convencer você de que seu filho é doente e que ele precisa viver à base de Ritalina, porque ele é hiperativo, duvide. Em 90% dos casos, a situação é pura incompetência ou preguiça da escola, por querer padronizar todos no mesmo formato. Não mate a iniciativa e os questionamentos de seu filho por causa da mediocridade da escola. Ensine-o como lidar com esse modelo convencional sem tirar dele seu lado questionador. É só aprender a jogar o jogo da Matrix.
  12. Ensine desde cedo seu filho a ter a dignidade de assumir seus erros e debilidades. Assim, a chance de ele crescer e se tornar alguém que criou o hábito de sempre tentar colocar a culpa de seus fracassos no sistema, no governo, em sua classe social, na cor de sua pele ou na sua orientação sexual será muito menor. Ensine-o desde cedo a ser protagonista e não uma vítima.

sábado, 12 de dezembro de 2015

Política: muito fácil de discutir quando olha-se para o próprio umbigo

O objetivo dessa postagem é argumentar um pouco sobre "discussão sobre política" e não sobre política propriamente dita. Foi motivada por uma reflexão que tive sobre o que as pessoas consideram na hora da discussão e o que elas não consideram. Sou um eleitor imparcial, que sempre analisa os candidatos e seus programas, considerando o maior número possível de fatores do passado. Não me considero um pessoa com boa bagagem para aprofundar no assunto, mas considero que tenho condições de identificar problemas que ocorrem nas discussões sobre política. Falar de política é algo extremamente complicado porque é muita coisa envolvida: momento atual de cada classe social, momento atual da economia do país, educação das pessoas (educação que os pais dão para os filhos), educação (instrução), cultura, herança política, herança econômica, fama do país no mundo exterior, etc, etc. Discordo completamente das discussões politicas com excesso de subjetividade e com comentários reprovadores de episódios desconexos. Ou fala-se de muita coisa envolvida, ou não ocorre discussão sobre o assunto. Hoje entendo perfeitamente o motivo de não se recomendar discutir sobre política, porque existe uma grande possibilidade de alguém sair da discussão chateado. Votei nessas últimas eleições nos candidatos que eram do PT. Eu não votei no PT, eu votei nos candidatos que, por coincidência ou não, são deste partido. Muitas discussões começam já separando as pessoas que votam e tal e tal partido. E ainda ressalto que não necessariamente um eleitor que votou no atual presidente, estaria de acordo com a situação atual. Um eleitor pode sim estar se sentindo enganado com o que ele acreditou na época das eleições. Sem falar que o fato do eleitor votar no candidato do governo ou no candidato da oposição, não significa que aquele candidato seria o perfeito para o país. Acho que em muitos casos as pessoas escolhem o menos ruim daquela época e isso deixa evidente que o eleitor apostou em alguém e pode, ou não, se arrepender no futuro. É óbvio que um eleitor reprova os escândalos que estão aparecendo atualmente, independente se os criminosos pertencem ou não ao mesmo partido do presidente em que votou. Claro que reprovam! E olhe que existem problemas públicos que estão relacionados com sua respectiva cidade em que mora, ou seja problemas ocasionados pela corja do prefeito atual e que não necessariamente tem relação com o presidente ou partido do presidente. Temos mais de 5 mil cidades no Brasil. Ou seja, o assunto não é tão simples assim. Numa discussão, várias variáveis precisam ser consideradas e vários episódios precisam ser lembrados, recentes e antigos.

Corrupção
Obviamente que exite uma tendência em julgarmos os políticos corruptos pelos crimes que cometem. Claro! Completamente reprovável! Seja lá em quem votou. O que geralmente as pessoas esquecem é que muitas dessas corruções, outras pessoas estão envolvidas também, como funcionários públicos e diretores/gerentes de empresas privadas. Um funcionário de uma empresa privada, que está envolvido em algum escândalo de licitação, por exemplo, é tão corrupto quanto o funcionário público que também participa do mesmo crime. Acho que numa discussão política, só lembramos dos políticos que são eleitos por nós. São corruptos mesmo! Pessoas sujas! Mas não podemos esquecer das pessoas físicas que são tão corruptas quanto os políticos envolvidos. Eu ainda acredito que novos funcionários públicos ficam acoados em denunciar esquemas que existem há muito tempo no órgão em que começa a trabalhar. Quem lá sabe o que poderia acontecer com uma pessoa dessa caso denuncie? Complicado. Ou seja, não existe apenas político corrupto, existe muita gente de empresa privada que é tão safado quanto.

"É culpa do presidente!!"
Acredito que estamos melhorando e o tempo amadurece o sistema do país como um todo, mas não podemos negar que precisamos melhorar em muita coisa ainda, pois é fato que temos tristes episódios de problemas com sistema de saúde, sistema de transporte, sistema de tributação, sistema político, etc. Estes problemas não saem da minha cabeça, pois eles são evidentes nas reportagens de jornal, revista, televisão, pesquisas internacionais, etc. Partindo do principio que precisamos de tanta reforma assim, não podemos simplesmente achar que é "culpa do presidente", ou "culpa de quem votou no presidente". O Brasil é composto por três poderes e o presidente represente apenas um deles. Boa parte dessas reformas dependem de textos que interferem na constituição. Onde estaria a boa vontade da MAIORIA dos deputados? Sem falar que uma proposta de emenda ou qualquer reforma dessa que falei, é preciso "passar pela mão" (votar) por mais de 200 deputados, e em seguida ainda passar por votação no senado. Pronto, ai sim vai depender da aprovação do presidente. É muito fácil culpar o presidente. Falar de política é complicado, porque envolve muita coisa.

Apagão na memória
Quando a gente discute política, é normal lembrarmos de episódios recentes e de episódios pontuais do passado. Não acredito que possamos debater sobre o assunto esquecendo do gigantesco passado que o Brasil tem. A gente mantém o foco no que acontece agora, mas esquece de fatos que aconteceram em outros governos que tem repercussões nos dias de hoje. É verdade que sabemos de vários escândalos que estão sendo revelados na atualidade, mas não podemos permitir que ocorra um apagão em nossa memória, como se no passado tudo fosse perfeito. Um exemplo muito simples é reclamar que a soma dos anos governados por Lula e Dilma juntos, mas esquecem que no primeiro mandato de Fernando Henrique Cardoso, foi aprovada uma emenda constitucional que permitiu a reeleição para os cargos executivos em todos os níveis. Tornando-se FHC o primeiro presidente brasileiro a ser reeleito posteriormente. Então, na minha opinião, não dá para conversar sobre política sem avaliar muitas e muitas coisas do passado. Não adianta basear-se somente nos fatos atuais (que por sinal concordo plenamente que ainda tem muita corrupção, independente de unidade federativa e partido) pois é preciso ter um pouquinho mais de memória. Eu não tenho muita bagagem assim de história, e é por isso que evito estar discutindo, prefiro manter uma opinião imparcial sempre lembrando de fatos que conheço colocado nos seus respectivos contextos, sem ser preconceituoso.

O ato de votar  versus  culpa do povo
É muito comum uma pessoa ser julgada, de forma implícita ou explícita, pelo voto feito em determinado candidato, mas antes de julgarem é preciso compreender que aquela pessoa tem seus motivos particulares para isso. Eu costumo separar em minha mente 5 tipos de eleitores: os cegos que votam no governo, os cegos que votam na oposição, os que votam em qualquer um porque acham que não interfere, os que analisam os candidatos e os que são acoados em votar em determinados candidatos (seja por coronelismo ou compra de votos). São esses 5 tipos de eleitores que considero. Se pegarmos esses 5 tipos de eleitores e colocarmos em seus respectivos contextos, quantas situações diferentes podemos encontrar? Várias situações diferentes!! Se você pega um eleitor que mora numa cidade que foi completamente melhorada com o prefeito atual, acho que seria óbvio ele tender a votar no candidato relacionado à filosofia (ou partido) do prefeito da cidade dele. O mesmo serve para o contrário: se um eleitor mora numa cidade com alta insatisfação da população pelos serviços ou estado atual da cidade, ele tendenciará e não votar no presidente relacionado ao partido do seu prefeito. Agora imagine, você pegar 5.570 municípios e considerar que em cada munício possui os cinco tipos de eleitores que falei: quantos contextos (situações) teremos? incontável. Então, na minha opinião, não há como identificar o que é melhor. É complicado porque as pessoas estão em situações diferentes.

Para concluir, revelando no que realmente acredito: numa discussão sobre política, ou aprofundamos o assunto de forma imparcial, ou não discutimos. Caso contrário haverá uma discordância que não levará a lugar algum, nem mudar opinião de ninguém. Apenas perderão tempo e possibilitarão desentendimentos desnecessários.

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

"A vida que vale a pena ser vivida"

O grande objetivo dessa postagem é divulgar um vídeo de Clóvis de Barros Filho, um filósofo paulista que além de ser o professor titular de ética da USP, viaja o Brasil inteiro palestrando sobre a essência da vida. Dos tantos vídeos existentes no YouTube, selecionei um (exibido logo abaixo) que conseguiu reunir um grande conjunto de assuntos que me levou a refletir sobre vida pessoal, vida profissional, felicidade, alegria, e outras coisas. Inevitavelmente qualquer um pensa que um vídeo de  1 h e 12 minutos de duração é impossível de assistir diante de tantas coisas que fazemos no dia a dia, mas é bem provável que ao terminar de o assistir, vai pensar o mesmo que pensei: foi o tempo mais bem investido nas últimas semanas. Assista abaixo.



Estou comprovando que com o decorrer dos anos a gente amadurece muito com os obstáculos da vida e com as alegrias vividas. A gente aprende com os obstáculos aquilo o que não queremos mais que aconteça e aprende como esquivar dos próximos obstáculos. Com as alegrias a gente aprende o que realmente queremos para o dia a dia, porque sempre queremos ter momentos de alegria e não queremos que ela vá embora. Eu nunca ia imaginar que aconteceria comigo, mas quando chega-se aos 30 anos, a cabeça do homem passa por uma grande reviravolta. Muitas coisas passam por reavaliação, tanto pelo lado pessoal quanto pelo lado profissional, até porque é difícil desassociar essas duas coisas. E hoje, adoto uma postura de escutar um pouco mais o que o coração quer me falar, e não o que as pessoas em volta vão pensar de mim, muito menos suportar aquilo que não te deixa alegre no dia a dia.


sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Culpa e autocobrança

Gostaria de compartilhar um texto muito legal sobre autocobrança, algo que muitas pessoas sentem no mundo corporativo e que precisa ser monitorado por nós mesmos.


Culpa e autocobrança
Fonte: http://www.marisapsicologa.com.br/culpa-e-autocobranca.html

Como recebo muitas perguntas eu reuni um grupo delas com o mesmo tema, você verá CULPA em todas elas:1ª: “Eu moro com minha mãe, mas há muito estou pensando em me mudar, montar a minha casa, mas ando me sentindo tão culpado. Acho que eu não deveria sair de casa”.2ª: “Estou de licença maternidade. Quando minhas amigas me ligam eu digo que vou voltar logo para o trabalhoporque acho que é isso que eu deveria fazer, mas eu queria mesmo era parar de trabalhar por um tempo, eu tenho condiçõespara isso e quero cuidar do meu filho. Como sei que elas não concordam com isso eu nem estou mais atendendo ao telefone”.3ª: “Outro dia passei muita raiva em uma loja, pois eu comprei um aparelho de som que veio com defeito. Ovendedor se recusou a trocar dizendo que eu tinha que procurar o fabricante. Ele deveria conhecer o código do consumidor. Eu fiquei maluco de raiva e armei a maior confusão”.Conseguiu perceber o que tem em comum nestas perguntas? É o “Deveria”. Um deveria morar com a mãe para sempre. Outra deveria voltar a trabalhar depois da licença maternidade. Outro diz que o vendedor deveria saber o código do consumidor.Esse “deveria” é um problema. Dá até para imaginar estas pessoas com um dedo apontado no rosto dizendo: “Você deveria ser perfeito, maior, melhor”.
Regras
Muitas vezes assumimos regras que não são verdadeiras ou não são necessárias e sofremos porque não conseguimos cumprir todos os “deveria” que impomos a nós mesmo, ou sofremos porque cumprimos “deverias” que não tem o menor sentido.O tal do Deveria te atrapalha muito em algumas situações, como por exemplo, quando:- Você não consegue fazer algo que acha que deveria fazer. Ex: Não consegue ajudar seu filho com a lição de casa dele, porque você já saiu da escola faz tempo, não lembra mais nada de matemática, equação do segundo grau, mas acha que deveria saber. E aí se sente culpado, e não resolve o problema, perde tempo se odiando. Sem culpa você conseguiria pensar com clareza, porque quando tira a culpa do meio de campo você tem espaço para raciocinar com objetividade.- Você fez, ou deixou de fazer, alguma coisa no passado e agora fica se remoendo em remorso. Ex: “Eu não falei para o meu pai o quanto eu o admirava. Eu deveria ter me comunicado melhor com ele enquanto ele estava vivo”. Se apegar a esse deveria te atrapalha porque não tem como mudar o passado, o legal é aprender com os erros do passado, e não ficar vivendo no passado. Aprenda agora a se comunicar melhor com as pessoas, não deixe que seu filho perca o canal de comunicação com você, você aprendeu que isso é importante. Nunca deixe de viver o presente.- Os outros é que fizeram alguma coisa, no passado, que te deixou magoado e você fica morrendo de raiva. Ex: O namorado que não deveria ter te abandonado. Ok, ele não deveria ter feito isso, mas fez, então vamos em frente.- Você faz alguma coisa que você acha que deve mas lá no fundo gostaria de não dever nada e agora fica com esse misto de raiva e culpa. Ex: Quando vai visitar sua sogra. Você sabe que deve dar atenção à ela, mas gostaria de não dever nada à ela. Tem coisa na vida da gente que não tem saída. Se não tiver saída mesmo não há nada melhor do que se sentir forte para suportar isso. Afinal tem muita coisa inevitável, a morte de uma pessoa querida, o emprego que você não conseguiu, o carro que não deu pra comprar.
Rigidez emocional
Quando você define as suas obrigações em termos muito rígidos é como você estivesse atravessando uma ponte tão estreitinha que só cabe um pé de cada vez, um na frente do outro e com muito cuidado para manter o equilíbrio. Isso é muita pressão, só dar um passo em falso e aí você fica com culpa, raiva, dor. Vamos alargar essa ponte. Vamos alargar os seus “deverias”. Ex: “Eu devo estar sempre impecável... eu devo eu devo... Eu devo... “Quem tem vício de “deveria” acaba confundindo tudo o que acha, o que pensa , o que gostaria com mais um “Deveria”. Ex: Você foi convidado para o aniversário de uma pessoa que é muito rica e acha que tem que dar um presente bem caro. Pronto já virou um deveria. O que seria um “Eu gostaria de dar um presente caro” vira um “deveria dar um presente caro...” .Pare e pense melhor.Muitas vezes você se perde em deverias e não faz o que realmente importa. Ficar ruminado todos os Ia... Podia... Devia... É alimentar sofrimento. “Não devia ter casado com essa pessoa... Eu ia fazer esse curso... Meu ex-noivo não podia ter me deixado...Não devia ter recusado aquele emprego....” Pare de pensar no passado e faça algo por você agora.Se dê um pouco de espaço para respirar. Se dê o direito de melhorar. Invista em você.Se dê o direito viver em harmonia.

terça-feira, 6 de outubro de 2015

5 Apps para decorar a sua casa

Decorar a sua casa com harmonia não é uma tarefe tão fácil quanto a maioria das pessoas imagina: a combinação de cores, móveis e dimensões dos espaços nem sempre sai do jeito que tínhamos planejado, e o resultado acaba sendo insatisfatório, mas hoje contamos com a tecnologia em nosso lado, e diversas empresas estão entendendo a essa demanda e desenvolvendo aplicativos para facilitar a tarefa de decorar ambientes. Por isso apresentamos hoje 5 aplicativos para celulares que facilitam muito a vida de quem deseja redecorar sua casa. Confira a seguir:

1- Homestyler Interior Design – Android e iOS
O aplicativo ideal para quem tem um ambiente vazio e precisa se inspirar para decorar o espaço. Esse aplicativo permite que você fotografe o ambiente e decore o espaço usando móveis predefinidos do aplicativo. Você pode testar diversos estilos de móveis no seu espaço para descobrir qual a combinação que fica melhor com o seu ambiente.

2- Home Decorator – Android e iOS
Como o nome sugere, o aplicativo facilita a vida de quem quer redecorar o ambiente. Ele permite que você tire fotos do interior ou da fachada da casa e trocar as cores de acordo com diversas paletas disponíveis no programa. Você pode escolher elementos que deseja trocar de cor para conferir qual a combinação combina melhor com o seu espaço.

3- Magic Plan – Android e iOS
Esse aplicativo possui uma proposta muito útil, especialmente para quem deseja comprar móveis para o seu ambiente: ele mede seu espaço e cria planta do seu ambiente apenas usando fotos do seu aparelho. Você consegue medir espaços entre paredes, largura de portas e vãos abertos usando imagens tiradas do seu ambiente. Essas informações serão usadas para gerar uma planta do seu espaço, para que você possa planejar dimensões de móveis, ou mesmo para encomendar móveis sob medida. Esse aplicativo possui ima versão gratuita, que conta com algumas limitações e uma versão paga, com todos os recursos desenvolvidos para a plataforma.

4- Coral Projetos – Android e iOS
Aplicativo da fabricante brasileira de tintas Coral, com uma proposta semelhante à do aplicativo Home Decorator: você usa fotos de seu ambiente para simular a pintura com outra cor. Você pode testar combinações de cores e conferir sugestões de cores da Coral, e com a vantagem de que as cores escolhidas já vão vir referenciadas de acordo com a escala da fabricante, então na hora de comprar a tinta para redecorar sua sala, basta apresentar a referência da cor no vendedor.

5- Color Snap – Android e iOS
Como o nome também sugere, o aplicativo permite você captar cores de fotos da câmera do seu aparelho, referenciadas pela escala de cores da Sherwin Willians. O aplicativo ´e ótimo para captar cores ao ar livre, quando você tirar uma foto de um prédio, de uma paisagem, ou qualquer cenário possível, e captar as cores conforme a escala de cor da fabricante de tintas para utilizar na decoração do seu projeto. O programa ainda indica, com base nas cores captadas, uma escala de cores compatíveis para a decoração do seu ambiente.

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

Dica para os ansiosos: Viva o presente e relaxe mais

A mensagem abaixo é para os que sofrem com ansiedade, que possuem muito autocrítica ou que gastam muito tempo controlando sua carreira profissional ou imagem.

Pense sempre, de forma positiva. Toda vez que um pensamento negativo vier à sua cabeça, troque-o por outro! Para isso, é preciso muita disciplina mental. Você não adquire isso da noite para o dia: Assim como um atleta, treine muito.

Não tenha medo de nada nem de ninguém. O medo é uma das maiores causas de nossas perturbações interiores. Tenha fé em você mesmo. Sentir medo é acreditar que os outros são poderosos. Não dê poder ao próximo.

Não se queixe. Quando você reclama, tal qual um ímã, você atrai para si toda a carga negativa de suas próprias palavras. A maioria das coisas que acabam dando errado, começa a se materializar quando nos lamentamos.

Risque a palavra culpa do seu dicionário. Não se permita esta sensação, pois quando nos punimos, abrimos nossa retaguarda para o negativo, que vibra com nossa melancolia.

Não deixe que interferências externas tumultuem o seu cotidiano. Livre se de fofocas, comentários maldosos e gente deprimida. Isto é contagioso.

Não se aborreça com facilidade e nem dê importância às pequenas coisas. Quando nos irritamos, envenenamos nosso corpo e nossa mente.
Procure conviver com serenidade e quando tiver vontade de explodir, conte até dez.

Viva o presente. O ansioso vive no futuro. O rancoroso vive no passado. Aproveite o aqui e agora. Nada se repete. Tudo passa. Faça o seu dia valer a pena. Não perca tempo com melindres e preocupações, pois só trazem doenças.

Relaxe!

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Como cotar seguros online considerando mais de uma seguradora?

Se você possui um automóvel e vive no Brasil, provavelmente tem ou já pensou em ter um seguro auto para estar protegido contra roubos, furtos, batidas, falhas mecânicas e outros riscos que seu veículo corre todos os dias.

Para cotar um seguro, você pode optar pela maneira tradicional, que é através de um corretor de seguros. Esse profissional é responsável por fazer o intermédio entre a seguradora e o cliente e é quem irá cotar e negociar preços para você.

Geralmente, para contatar um corretor de seguros, as pessoas procuram indicações com familiares e conhecidos que já contrataram o serviço de um profissional da área e foram bem atendidas e assistenciadas. Mas, em alguns casos, contratar um corretor de seguros pode ser difícil, por exemplo se você não possui indicações ou se na sua cidade não há um corretor.

Porém hoje você possui uma nova opção para contratar um seguro: o mercado se diversificou com o surgimento de corretoras online, como a Bidu Corretora. Agora, se você quer cotar um seguro para o seu carro basta entrar no site, preencher seus dados e a cotação aparecerá na sua tela após alguns segundos, além de ser enviada para o seu e-mail.

As informações que devem ser preenchidas nos formulários de cotação online, são solicitadas pelas próprias seguradoras e são de extrema importância, já que alteram o valor do seguro. Por exemplo, quanto mais tempo de carta você tem, mais barato é o seguro. Isso acontece porque a seguradora considera que você possui mais experiência e a chance de se envolver em um acidente é menor.

É sempre importante ser sincero e cuidadoso ao responder o formulário, já que respostas falsas quando descobertas pela seguradora podem resultar na perda da cobertura do seguro.

A ferramenta de cotação online é fruto de investimentos em tecnologia e oferece praticidade e velocidade ao usuário. Ela é gratuita e permite que o interessado em um seguro compare o preço em 8 seguradoras diferentes ao mesmo tempo, ou seja, é uma ajuda para quem quer comparar e economizar com o serviço. Além disso, você poderá cotar em qualquer lugar, desde que tenha um dispositivo conectado à internet.

E fique tranquilo, pois você terá toda a assistência necessária em caso de dúvidas e caso algo aconteça com o veículo. Mas antes de contratar o serviço em uma corretora de seguros online, verifique se ela é registrada na SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) e cheque as respostas dela em sites de reclamação, como o Reclame Aqui. Inclusive a Bidu Corretora é a única no segmento que tem um selo de qualidade do Reclame Aqui.

Como todo serviço online, quanto mais informações sobre ele, mais confiante você estará para finalizar a compra.

quarta-feira, 22 de julho de 2015

Ferramentas para construção de protótipos





O objetivo deste post é compartilhar com a comunidade de desenvolvedores e designers de apps as ferramentas de prototipagem que conheço. Basicamente são três relevantes: Pixate, Pencil e Balsamiq Mockups. A Pixate era uma ferramenta paga porém em Julho/2015 passou a ser gratuita porque o Google a comprou. Ela basicamente ajuda na montagem das telas somente através de arquivos de imagem, ou seja, você não insere componentes de formulários. O grande atrativo dessa ferramenta é que você pode tornar o protótipo interativo, inserindo eventos e animações, simulando assim como seria o fluxo das telas do app.

Pencil é uma ferramenta open-source de prototipagem de interfaces de usuários, disponível para todas as plataformas. A ferramenta fornece várias coleções internas para desenhar diferentes tipos de interface de usuário, que variam de desktop para as plataformas móveis. Para baixar, acesse  http://pencil.evolus.vn/. Já o Balsamiq Mockups tem componentes mais simplificados com cara mesmo de rascunho. Esses rascunhos podem ser exportados para arquivo de imagem ou arquivo XML. Em relação ao Pixate, ainda estou experimentando mas acredito que passará a ser minha ferramenta principal de prototipagem. Escolha a sua.

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Using parameters with EntityFramework on Informix Select Statements

Using parameters with EntityFramework on Informix Select Statements
Usando parameters com EntityFrameWork em instruções Select no Informix


public class MyClass {
  public string PropertyA { get; set; }
  public string PropertyB { get; set; }
}


string sqlQuery = "SELECT columnA As PropertyA, columnB as PropertyB FROM tablename WHERE UPPER(columnC) LIKE UPPER(?);");
                    
List<object> parameters = new List<object>();
parameters.Add(string.Format("%{0}%"wordToLikeClausule));

var resultObjects = myDbContext.SqlQuery<MyClass>(sqlQuery, 
                             paramparametersetrosSql.ToArray()).ToList();

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Melhor ferramenta para juntar vídeos

Não perca seu tempo testado várias ferramentas para juntar vídeos. Se você quer manter a qualidade dos vídeos originais, use o FormatFactory, pois ela tem várias configurações pré-definidas e seria o mais recomendado para quem é bem rigoroso em termos de manter qualidade de imagem. Se você não é tão rigoroso com a qualidade final, use o Free Video Joiner. Ela é um pouco mais prática e chega próximo da qualidade original do vídeo, inclusive mantém as dimensões originais.

sábado, 11 de abril de 2015

Um pouco de personalidade no ambiente de trabalho

Estamos numa era corporativa em que o profissional quer se sentir mais a vontade onde trabalha, quer estar mais próximo da sua personalidade e mais feliz com o que faz. Existem muitas regras que são aplicadas dentro das empresas, mas o fato de não as obedecer, não vão de encontro aos valores da empresa tampouco vão de encontro à missão. Que mal há vestir-se da forma como se sente bem? Que mal há em usar um papel de parede do seu computador a imagem que você quiser? Que mal há em decidir trazer suas refeições de casa? Não indo de encontro aos valores da empresa, o que impediria? Acho que nada. Sei que existem contextos em que este cenário não se aplica, principalmente no ramo comércio-varejista, em que os funcionários precisam estar uniformizados e o fato de atender ao público restringe um pouco a liberdade do funcionário. Como nunca fui deste ramo, talvez não me venham ideias para repensar a forma de trabalho nesses ambientes, mas em escritórios corporativos, não há mal algum em trazer um pouco da personalidade do colaborador para dentro do seu território de trabalho.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

A importância do fracasso

Texto interessante de Murilo Gun


17 de dezembro de 1997 fui entrevistado pelo Jô Soares (porque eu havia criado um portal que ganhou o prêmio iBest de melhor site pessoal do Brasil.)
17 anos depois...
17 de dezembro de 2014 vou ser entrevistado novamente(dessa vez para falar da minha experiência morando na NASA, no Vale do Silício)Hoje à noite, depois do Jornal da Globo!
A propósito, esses dois fatos (iBest e NASA) tem uma coisa em comum com criatividade: fracasso.Deixa eu explicar...
Quando eu tinha 12 anos, ganhei do meu pai um computador. Hoje em dia, as crianças ganham bem mais cedo, mas na época (1995) computador era algo caro e restrito, e normalmente pertencia ao pai, enquanto que a criança tinha acesso esporádico a alguns "diretórios" específicos e não poderia colocar disquetes para não pegar vírus.
No meu caso, não. O computadora era meu. Eu tinha liberdade total para explorar, experimentar e principalmente errar. A cada dois meses, tinha que levar o computador na assistência pra tirar vírus ou resolver algum problema no Windows 3.11
Meu pai não me deu apenas um computador. Ele me meu também o direito de fracassar.E isso fez toda a diferença no desenvolvimento da minha criatividade .
Esse "direito de fracassar" é algo muito forte no Vale do Silício. Na cultura de lá, se um empreendedor tiver quebrado cinco startups (desde que tenha sido por motivos diferentes e sem desonestidade), ele tem um ótimo currículo. Aqui no Brasil, ele seria a vergonha da família.
Nossa cultura vê o fracasso como derrota. Lá no Vale, o fracasso é visto como aprendizagem.E isso faz toda a diferença no desenvolvimento da criatividade.
Criatividade é um processo de tentativa-e-erro. Se você não tem o direito de errar, você não tenta.

sexta-feira, 11 de julho de 2014

Comparativo entre plataformas para desenvolvimento de aplicações móveis baseadas em padrões web

Abaixo segue um artigo interessante sobre outras plataformas de desenvolvimento de aplicações móveis. O título do artigo é "Sencha Touch, RhoMobile, AppMobi e jQuery Mobile: um comparativo entre plataformas para desenvolvimento de aplicações móveis baseadas em padrões web e um estudo de bibliotecas utilizáveis por elas".

Este artigo tem o objetivo de comparar plataformas atualmente em destaque na indústria de desenvolvimento de web applications para dispositivos móveis. Foram percebidas algumas evidências de que é possível desenvolver aplicações deste tipo com baixo custo, qualidade, produtividade e com recursos semelhantes às aplicações de framework nativo. Clique aqui para baixar o artigo

quarta-feira, 9 de julho de 2014

Brasil x Alemanha - Copa do Mundo 2014

TODA seleção que jogar contra o Brasil, vai dar o máximo de si, o máximo de tudo o que for necessário. Além disso, a Alemanha vem jogando muito bem há várias Copas. A Holanda, que eliminou o Brasil em 2010, também vem jogando muita bola, inclusive na últimas com grande destaque. Em 1994, eliminamos a Holanda nas quartas de final. Imagine como deve ser a cobrança dos torcedores e as entidades futebolísticas de cada país? Imagine como deve ter sido o tamanho da dedicação, superação, repaginação, esforço e trabalho que essas seleções tiveram ao longo desses anos? Elas merecem sim avançar na Copa e será uma final fantástica. Nunca torcerei contra a seleção Brasileira porque tenho noção dos desafios que os jogadores tem. Inclusive cada jogador precisa desafiar a si mesmo, porque às vezes o estrelismo e excesso de emoção latino são grandes obstáculos.

Na minha opinião, duas primeiras coisas a mudar: mais trabalho focado (frieza profissional) e parar com simulação de faltas (isso é falta de garra e falta de honestidade)

Texto interessante sobre problemas táticos do Brasil
http://zh.clicrbs.com.br/rs/esportes/copa-2014/noticia/2014/07/o-campo-e-bola-sete-razoes-taticas-e-tecnicas-para-a-derrota-do-brasil-4546504.html

terça-feira, 8 de julho de 2014

Crie sua própria armadilha para mosquitos

Quem sofre com o desafio diário de evitar picadas de mosquitos em seu filho alérgico, sabe o quanto vai ser motivador construir uma armadilha para eles. Sabemos que existem repelentes, vitaminas e aparelhos eletrônicos, mas sempre surgirá uma nova picada de forma inesperada. Sofro com isso, mesmo morando em área urbana, no 5º andar de um edifício. Este link e este outro ajudam a montar sua própria armadilha. Mãos à obra!

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Qual rádio online você vai escolher? Comparativo

Qual rádio online você vai escolher?
O aumento de velocidade de conexão está fazendo com que as pessoas mudem seus hábitos quando o assunto é baixar música MP3 na internet. Eu mesmo, nesses últimos 5 meses, só escuto músicas através do Deezer ou Grooveshark. O Spotify é uma das melhores soluções para o problema. Além de ser legalmente permitido pelas gravadoras, ele simplifica o trabalho que você tem para procurar músicas de qualquer artista ou banda e escutá-las apenas com um clique no mouse. Qual rádio online você vai escolher? Abaixo segue comparativo que foi publicado na revista Info Exame.


Rdio Deezer Grooveshark Rara Sonora
Pontos fortes Na versão desktop, importa biblioteca do iTunes e do Windows Media Player.

Bom acervo de música brasileira

Interface simples de usar
Modo offline funciona também no navegador.

Integração com apps de terceiros e com smartTvs

Mesa de mixagem para brinca de DJ
Não cobra pelo uso no browser

Acervo bastante diversificado

Permite upload de arquivos
Busca por conteúdo funciona bem

Boa seleção de playlists temáticas

Preços baicos nos primeiros três meses
Bom acervo de música brasileira

Não cobra pelo streaming de rádios online

Os planos permitem download de faixas
Pontos fracos Não permite o upload de arquivos

Período de degustação de apenas uma semana
Alguns recursos são difíceis de encontrar

Falta histórico de músicas executadas
Álbuns incompletos e apresentação confusa

Apps não estão disponíveis nas lojas de iOS e Android
Não oferece integração com redes sociais

Não tem período de degustação
Sem versão nativa para tablets

App para Android falha com muita frequência
Versões mobile Android, BlackBerry, iOS e Windows Phone Android, BlackBerry, iOS e Windows Phone Android, BlackBerry, iOS e Symbian. Versão HTML Android e iOS Android, BlackBerry, iOS e Windows Phone
Qualidade máxima de áudio 320 Kbps 320 Kbps 192 Kbps Não informado 256 Kbps
Músicas disponíveis 18 milhões 20 milhões 13 milhões 15 milhões 4 milhões
Upload Não Sim Sim Não Não
Mensalidade R$ 8,99 (web)
R$ 14,90 (web e mobile)
R$ 8,99 (web)
R$ 14,90 (web e mobile)
Grátis (web)
R$ 17,75 (web e mobile)
R$ 7,99 (web)
R$ 15,99 (web e mobile)
R$ 14,90 (web)
R$ 24,90 (web e mobile)
Avaliação técnica 8,4 8,4 7,7 6,1 6,3
Custo/benefício 7,9 7,9 7,5 6,8 6,0

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Como reduzir espaço ocupado por bancos de dados SQL Server 2012 (recomendado para quem tem Windows Azure)

Código Transact-SQL para reconstruir os índices das tabelas a fim de reduzir ocupação de espaço em disco. Muito útil para quem possui bancos de dados no Windows Azure.


DECLARE @TableName varchar(255)

DECLARE TableCursor CURSOR FOR
(
      SELECT '[' + IST.TABLE_SCHEMA + '].[' + IST.TABLE_NAME + ']' AS [TableName]
      FROM INFORMATION_SCHEMA.TABLES IST
      WHERE IST.TABLE_TYPE = 'BASE TABLE'
)

OPEN TableCursor
FETCH NEXT FROM TableCursor INTO @TableName
WHILE @@FETCH_STATUS = 0

BEGIN
      PRINT('Rebuilding Indexes on ' + @TableName)
      EXEC('ALTER INDEX ALL ON ' + @TableName + ' REBUILD')
      FETCH NEXT FROM TableCursor INTO @TableName
END

CLOSE TableCursor
DEALLOCATE TableCursor

terça-feira, 15 de abril de 2014

Cineclubes virtuais

A revista INFO fez um raio X dos cineclubes virtuais disponíveis no Brasil. Abaixo apenas estou listando os serviços, com o respectivo link de acesso e uma breve descrição do serviço com a nota de custo x benefício que a reportagem determinou. É bom ficar sabendo que existem tantas opções!

Serviços não limitados aos assinantes de TV a cabo

Serviços limitados aos assinantes de TV a cabo
  • MUU - http://muu.globo.com - Vasta seleção de programas de TV e séries nacionais de canais Globosat (Nota 7,2);
  • Telecine Play - http://telecineplay.com.br - Catálogo extenso de filmes, com vários lançamentos, e interface bacana (Nota 7,1);
  • HBO Go - http://www.hbogo.com.br - Interface bonita e funcional e acervo com séries de TV bem populares (Nota 7,0);
  • Net Now - http://bit.ly/net-now - Bom acervo, aluguel descomplicado de filmes e muito conteúdo gratuito (Nota 6,4);
  • Sky Online - http://www.skyonline.com.br - Preços competitivos para o aluguele, em alguns planos, acesso ao HBO Go (Nota 6,4).

segunda-feira, 14 de abril de 2014

quinta-feira, 20 de março de 2014

Qual serviço de armazenamento online de arquivos você vai escolher?


A disputa está grande pelo armazenamento online de arquivos. Atualmente existem 6 empresas relevantes que possuem o serviço. Abaixo segue quadro comparativo entre essas empresas:


Serviço Plano gratuito Planos pagos Ponto forte
Dropbox Até 2 GB 100 GB (R$ 20/mês)
200 GB (R$ 40/mês)
500 GB (R$ 100/mês)
Interface simples e fácil de usar, agora em português.
SkyDrive Até 7 GB 27 GB (R$ 19/ano)
57 GB (R$ 46/ano)
107 GB (R$ 93/ano)
Interface em português; inclui Office online.
iCloud Até 5 GB 15 GB (R$ 40/ano)
25 GB (R$ 80/ano)
55 GB (R$ 200/ano)
Bem integrado ao ecossistema de aparelhos da Apple.
Google Drive Até 5 GB 25 GB (R$ 5/mês)
100 GB (R$ 10/mês)
Permite a edição online e visualiza até arquivos do Photoshop.
Mega Até 50 GB 500 GB (R$ 26/mês)
2 TB (R$ 52/mês)
4 TB (R$ 78/mês)
Maior espaço de armazenamento grátis e forte sistema de criptografia.
Amazon Cloud Drive Até 5 GB 20 GB (R$ 20/ano)
50 GB (R$ 50/ano)
100 GB (R$ 100/ano)
200 GB (R$ 200/ano)
500 GB (R$ 500/ano)
Importa músicas para tocador online da Amazon